Kazan

05/12/2017 16:24 Europa
Kazan

A cidade é uma das mais antigas da Rússia. Como a maioria das velhas civilizações, existem divergências quanto à sua fundação, principalmente sobre a origem dos criadores, se os búlgaros ou se os tártaros. A capital do Tartaristão — sede da Universíade de Verão (a Olimpíada Universitária) em 2013 — contará com seis jogos do Mundial. São quatro da primeira fase; um das oitavas e outro das quartas.

A Seleção Brasileira, pode jogar por lá nas quartas de final. Comparada com outras sedes, a cidade está a uma distância média de Moscou. São 825 quilômetros até a capital. De trem, são onze horas de viagem, Já de avião, o percurso demora pouco mais de uma hora.

Por estar relativamente próxima a Moscou, uma opção é ficar na capital e só se deslocar no dia do jogo, ou na véspera. Mas não é o recomendado. A cidade abriga construções milenares como as muralhas da antiga Kazan, que serviu de barreira para o histórico cerco de Ivan o Terrível no século 16.

Considerada uma metrópole atemporal, atualmente ela conta cerca de 30 das maiores e mais importantes universidades da Rússia, abrigando mais de 180 mil alunos. A cidade, capital do Tartaristão, abriga pessoas de mais de 100 nacionalidades.

Se optar por ficar na cidade milenar, hospedagem não é problema. Como grande centro, Kazan conta com uma boa diversidade de hotéis, para os mais variados bolsos. Pelo Booking.Com, uma diária no período da Copa varia de R$ 55 a R$ 515. Entre as atrações turísticas, o Complexo Arquitetônico e Histórico do Kremlin de Kazan (Patrimônio da Humanidade pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura — Unesco), a mesquita de Qol Sharif, a Catedral da Anunciação e o Templo de Todas as Religiões, estão entre os mais visitados pelos turistas.